POLÍTICA

Temporada de corruptos na cadeia: aproveite os últimos dias

É preciso mais do que 1.000 palavras para descrever o significado da imagem abaixo… (continue a ler depois da foto)

…mas, com as palavras certas, é possível descobrir o que se passa nos bastidores da guerra à Lava Jato.

E ver que o relógio com a contagem regressiva para a soltura de Lula se aproxima do zero.

E onde passa boi, pode passar a boiada.

O repórter Caio Junqueira, um especialista em desvendar os bastidores de Brasília, encontrou as tais de mais de 1.000 palavras para revelar o significado da fusão de interesses entre Lula e Gilmar Mendes.

Ex-arquiinimigos, o petista e o ministro do Supremo se uniram em torno do objetivo comum de sufocar a maior operação anticorrupção do país.

A tal ponto que, como mostra a reportagem, Gilmar passou a ser chamado pelos petistas de “o rei do PT”.

Confira o seguinte trecho da reportagem, por favor:

“O namoro de Gilmar com petistas começou quando o PT deixou o Palácio do Planalto e a Lava Jato avançava sobre outros partidos com os quais Gilmar sempre foi mais alinhado, como o PSDB, e sobre o Judiciário. Deu-se, a partir daí, uma aliança de conveniência da qual partem, hoje, as maiores ameaças à operação. De um lado, um partido buscando um rumo desde que sua principal liderança, Lula, foi presa por corrupção e lavagem de dinheiro. De outro, um juiz que, sob a justificativa da defesa de direitos individuais, tenta a todo custo enfraquecer a maior ofensiva contra a corrupção da história do país…”

Para alcançar o objetivo comum, a estratégia é centrar fogo no episódio do roubo e vazamento das mensagens atribuídas a Sergio Moro e aos procuradores da Lava Jato.

Leia agora outro trecho da reportagem:

“O PT não conseguiu reunir as assinaturas para instalar uma CPI com o objetivo de investigar a conduta dos investigadores da Lava Jato (…) para o partido, o jogo a ser jogado é via Judiciário. E tem em Gilmar Mendes peça fundamental. (…) Todo o embasamento jurídico que pode soltar Lula nesse caso tem partido dele…”

O pior, porém, ainda está por vir.

A dupla sofreu reveses no campo de batalha, mas está longe de dar-se por vencida.

O repórter Caio Junqueira revela qual a estratégia a ser adotada a seguir, quais as armas a serem usadas para colocar Lula na rua e, ao mesmo tempo, asfixiar a Lava Jato.

“Uma das ideias, por exemplo, é apresentar um novo pedido de libertação (de Lula) ainda durante o recesso do STF…”

Como dissemos, o relógio com a contagem regressiva para a soltura de Lula se aproxima do zero.

Você tem pouco tempo para agir, portanto.

O primeiro passo é tomar pé da situação, entender o jogo pesado de Brasília.

Conte com o jornalismo independente para isso, assinando a Crusoé com uma condição especial. Clique no botão abaixo:

QUERO ACESSO AO JORNALISMO INDEPENDENTE AGORA

A Crusoé foi criada em 2018 pelos jornalistas Diogo Mainardi e Mario Sabino com o propósito de mostrar para você o que acontece pelos cantos de Brasília, trazendo a verdade à tona ─ doa a quem doer.

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto